Tecnologia do Blogger.
RSS

Olá...mais uma aula nossa...devido as férias poucas crianças, mas a aula foi divertidíssima...
O tema da nossa aula foi "REI CAPITÃO, SOLDADO LADRÃO!".
Acho que todos conhecem essa música.A principio pegamos apenas a primeira frase, trabalhamos em cima de um ostinato ritimico.

video

Depois deixei as crianças se divertirem no piano desde que seguissem a ritimica, poderia tocar do jeito que quizessem, com um dedo apertando apenas uma tecla, ou tocando várias te clas ao mesmo tempo, era para eles tocarem do jeito que quizerem.Depois trabalhar a mesma frase com um intervalo de 2ª maior e depois coloquei uma 3ª maior. Foi muito divertida a aula!!!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Jogo dos cartões

Um cartão significa silêncio. Você escolhe se o cartão tera desenho ou não. Costumo colocar desenho nos cartões para as crianças irem acostumando com a grafia convencional.
No cartão do silêncio você desenha a pausa de um tempo, em um dos cartões você desenha uma semínima, isso vai significar uma palma, ou um estalo, ou o som que você combinar com a sua turma desde que dura um tempo, e em outro cartão você desenha duas semicolcheia, que representa duas palmas ou outro som. Trabalhe primeiro com o professor mostrando os cartões, trabalhe alto/baixo rápido/devagar grave/agudo, entre outros. Trabalhe também com regência, deixe as crianças regerem.
Sugiro que os cartões sejam feitos de EVA.


download cartões

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

No dicionário, rudimento é descrito como; "Elemento inicial, Princípio, Condição...". Os rudimentos são os primeiros passos e fundamentos da percussão em todo mundo. Você deve começar, aprendendo os rudimentos, desde os primeiros dias que comprar as baquetas. Se você quer realmente dominar a arte da percussão, não importando se você vai tocar caixa numa Banda Militar ou bateria numa Banda de Rock'n'roll, deve praticar os rudimentos!

Os Rudimentos são divididos em "famílias":

* a família do Paradiddle
* a família do Single Stroke (toque simples)
* a família do Double Stroke (toque duplo)
* a família do Flam
* a família do Drag

download 40 rudimentos

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Definição de fanfarra

Vamos ver algumas definições de fanfarra

1. Fanfarra é uma palavra de origem oriental. Sua origem remete à designação de uma peça musical militar, curta e intensa, executada por instrumentos – tais como trombetas, trompas, clarins, tambores – de origem árabe, cujo uso, introduzido na Espanha, estendeu-se para o resto da Europa.

2. No dicionário Grove, a consulta ao verbete fanfarra, há a afirmação de que a raiz da palavra fanfarra – Fanfa – remonta ao espanhol do século XV, apesar de os etmologistas acreditarem que é uma palavra onomatopaica. Confirmando a origem oriental, no Grove, afirma-se que fanfarra pode derivar do árabe anfár (trombetas), o que me leva a perguntar se esta palavra – anfár – não poderia ela própria ser uma onomatopéia. Ainda segundo o Grove, a palavra fanfarra é registrada pela primeira vez, em 1546, no idioma francês e, posteriomente, em 1605, no inglês.A princípio, apenas instrumentos de bocal eram utilizados na Fanfarra, posteriormente, foi introduzida a percussão e alguns instrumentos com chaves ou palheta.

No Grove, ainda são apresentadas cinco definições para fanfarra.

· Na primeira delas, afirma-se que a fanfarra consiste em um naipe de metais, freqüentemente acompanhado de percussão, distinguindo-a dos sinais militares no uso e no caráter. E ressalta-se que, embora inicialmente o termo tenha sido utilizado para nomear um instrumento de metal ou um naipe deles, anteriormente, o termo fanfarra pode ter sido usado para denominar um sinal da caça.

· Na segunda definição, registra-se ser uma passagem curta executada em destaque pelo(s) metal(ais) durante um trabalho ou uma peça de orquestra.

· Na terceira definição desse dicionário, menciona-se um sinal dado na caça ao início da perseguição ou após a morte do animal, quando os cães recebem sua parte do animal (trata-se de um costume exclusivamente francês).

· Na quarta definição, o leitor é remetido ao significado dado no século XIX, na França e na Itália, a uma banda — militar ou civil —, constituída na sua maior parte ou inteiramente de instrumentos de metal.

· Finalmente, na quinta e última definição: no discurso coloquial alemão, fanfarra é um termo mal apropriado para Fanfarentrompete, uma trombeta natural moderna, construída geralmente em Eb (Mi Bemol).


É dificil querer definir fanfarra, existem várias definiçoes. Há algumas diferenças no istrumental, existe diferentes fanfarras:
  • Fanfarras Simples

Existem dois tipos fanfarra simples tradicional e fanfarra simples marcial

Fanfarra Simples Tradicional:

a) Instrumentos melódicos característicos: cornetas e cornetões lisos de qualquer tonalidade, sem utilização de recursos, como gatilho;

b) Instrumentos de percussão: bombos, tambores, prato a dois, prato suspenso e caixa clara.

Fanfarra Simples Marcial:

a) Instrumentos melódicos característicos: trompetes naturais agudos e graves(cornetas), todos lisos (sem válvulas) de qualquer tonalidade ou formão, sendo facultada a utilização de recursos como gatilho;

b) Instrumentos de percussão: bombos, tambores, prato a dois, prato suspenso e caixa clara.

  • Fanfarras com Válvula:

    a) Instrumentos melódicos característicos: trompetes naturais (cornetas) agudos e graves com uma válvula de qualquer tonalidade ou formato;

    b) Instrumentos de percussão: bombos, tambores, prato a dois, prato suspenso, caixa clara.


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Fanfarra

Oi pessoal
A partir de hoje colocarei aqui meus trabalhos com fanfarra também.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Músicas de Acalanto

Será que o bebê ja ouve a mamãe quando ainda está dentro da barriga?

"A relação das crianças com a voz materna e a memória sonora delas começam ser a formadas na gestação. Segundo o psiquiatra francês Serge Lebovici (1915-2000), essas "impressões sonoras" preparam o vínculo do filho com a mãe para quando o cordão umbilical não os unir mais. Por isso, de acordo com Ana Paula Stahlschmidt, psicóloga e doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), é interessante que os pequenos ouçam a voz da mãe desde cedo, inclusive na hora do acalanto, como também são chamadas as canções de ninar.

No mundo todo, o passar do tempo muda as gerações e as culturas, mas essas músicas, que embalam o sono dos bebês, têm lugar cativo no repertório familiar. Elas acalmam, aconchegam e dão segurança para que os bebês durmam. Curtas e repetitivas, são fáceis de decorar. "

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Sopa - Palavra Cantada

Muito legal a música, as crianças gostam muito!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Aula 22/05

Na aula de hoje trabalhamos alguns sons diferentes, levei alguns chocalhos de latinha feito por mim mesma com sons diferentes, dentro de cada um tinha pedra, arroz, feijão, e assim percebemos a diferença de cada som.Para deixar a aula mais divertida montamos nosso próprio chocalho, foi uma atividade deliciosa porque nos divertimos e fizemos muita bagunça!!!







  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS


A nossa segunda atividade foi trabalhar com os timbres dos instrumentos, foi muito divertido, as crianças tocaram todos os instrumentos e depois com os olhos vendados tiveram que adivinhar qual era o instrumento, não precisava examente falar o nome mas poderia falar a cor, o formato ou quem estva tocando o instrumento, a principio apenas um aluno conseguiu acertar todos os instrumentos mas para uma primeira vez a atividade foi muito boa!










  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS


Aula do dia 24/04
Na aula de hoje as crianças receberam a visita do saxofone
Primeira atividade:trabalhamos com conceito do som e o primeiro conceito foi som curto e som longo.
As crianças receberam um pedaço de papel curto e um pedaço longo, ao ouvirem o som levantavam o pedaço de papel correspondente aquilo que tinham ouvido.Foi uma atividade prazerosa e teve um bom desempenho das crianças!







  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Oficina da Música - Aula 17/04/2010

Apreciação musical...olha que essa turminha gos tou bastante de ouvir essas músicas que a principio era "estranha"



Na aula de hoje também foi trabalhado os andamentos da músicas,trabalhamos com diversas músicas, em um primeiro momento músicas infantis e as crianças gostaram e acertaram tudo, depois começamos a escutar música clássica, caetano e miguel falaram que a música era muito estranha, mas no final pediram para escutarem de novo por que a música os deixavam felizes, também fiquei feliz pois algo que a principio era estranho se tornou algo agradavél no fim da aula.
As músicas que escutamos foi:
Bach Alegro
http://www.youtube.com/watch?v=49IOKnhX0Sk
J.S. Bach Sonata Flute & Continuo in G Minor
http://www.youtube.com/watch?v=wE_1p2BfIu8
Vivaldi Primavera
http://www.youtube.com/watch?v=Lf8ZFnKcd78&feature=related
também trabalhamos mais um pouco com grave e agudo e desenhamos a música primavera de Vivaldi

Trabalho de improvisação feito no fim da aula


video

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Artigo: Educação Musical

http://www.4shared.com/document/oaKca8t8/Educao_Musical_-_Artigo.html

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Musicalização o que é?



É tornar um individuo sensivel e receptivo ao mundo sonoro, promovendo nele ao mesmo tempo, resposta da índole musical.Em termos práticos é a pré escola da música.

Com a reunião e o desenvolvimento dos métodos é que buscamos atender musicalmente as vivências das crianças, através de sua participação criadora. Pelo aproveitamento desse dom é que se consegue ingressá-los não só na atividade musical, e na forma de expressão, mas também na aprendizagem musical de aquisição de conhecimentos básicos. Efetua-se dessa forma, a musicalização através da atividade intuitiva, que cria um estado mental intelectual favorável à aquisição de conhecimentos musicais.
O desenvolvimento da musicalidade nas crianças deve estar em conformidade com sua vivência musical e com os métodos utilizados. A musicalização , por si só, já se inicia no lar, com a oferta de ferramentas à criança para que ela descubra os sons e seu universo (discos, canções, instrumentos, objetos sonoros variados, gravuras relacionadas, etc). Na escola, no entanto, deverá se realizar o direcionamento deste interesse para o desenvolvimento de outros aspectos ligados à criança (criatividade, coordenação motora, lateralidade, lógica, estética, etc). Não aconselhamos que se inicie nesta idade o aprendizado musical, que difere da musicalização pelo fato de que, no primeiro, tratamos da aprendizagem de manuseio técnico de um instrumento musical, que deverá aparecer numa segunda etapa, com aproveitamento da musicalização já trabalhada e com a criação do vínculo e do gosto entre a música e a criança.

Por que musicalizar?
A musicalização, além de transformar as crianças em indivíduos que usam os sons musicais, fazem e criam música, apreciam música, e finalmente se expandem por meio da música, ainda auxiliam no desenvolvimento e aperfeiçoamento da:
- Socialização
- Alfabetização
- Inteligência
- Capacidade inventiva
- Expressividade
- Coordenação motora e tato fino
- Percepção sonora
- Percepção espacial
- Raciocínio lógico e matemático
- Estética

(texto extraído da apostila do 6º encontro de educadores - 2006)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS